sábado, 19 de setembro de 2009

Profissões...

Continuando as memórias do Seo IBAMA, mais um causo.
Em operação de fiscalização de pesca, no rio Tocantins, Pará, conhecido pelo sotaque peculiar da população de grande parte de seus municípios, tanto que no resto do Estado é dito que os moradores de Cametá, na margem deste rio, falam francês. "Já me vu"(já me vou), e assim por diante.
O pescador fiscalizado, com redes na água em pleno periodo do defeso, responde as perguntas do Fiscal:
- Nome e profissão, por favor.
- Prufissão ? pergunta o pescador.
- É, o que o senhor faz da vida?
- Su desbulhador(debulhador) de açaí.
- Amigo, isso não é profissão, o senhor não tem outra ?
- Então punha aí: sargador (salgador) de mapará (um peixe comum no Tocantins).
- Isso também não é profissão, o senhor tem carteira de pescador ?
- Ham, cartera, mas nem de cegarro.
Fecha o pano.

2 comentários:

por Denilson d'Almeida disse...

boa boa!!

Belenâmbulo disse...

Esse livro vai ser um sucesso!

Abraço